Granada, Espanha, 14 de julho de 1935! Nascia o garoto Diego Escalona!

Logo, foi morar em Malaga, e lá, desde muito cedo começou a viver em meio às motocicletas e Lambrettas! Seu pai, Francisco Moreno, tinha uma oficina mecânica, que entre outras coisa, recuperava motos antigas, e contava com a ajuda do filho, que logo mostrou aptidão pelo ofício!

Ainda muito novo, Diego já andava com suas motos, Excelsior 125, Montesa Brio 90, e outras!!

No final de 1954, sua família vem de mudança para o Brasil, mais precisamente, para São Paulo, e já em 1955, Diego vai juntamente com seu pai, trabalhar na Lambretta do Brasil.

No início de 1958, seu pai sai da Lambretta, e vai abrir sua própria oficina, a Moto Moreno, na R. do Oratório, zona Leste de S. Paulo... pouco depois, é a vez de Diego ir trabalhar novamente com seu pai!


Diego ( 2º da dir., encostado no balcão) na Moto Moreno. Seu pai, está no centro, atrás do balcão.

Como o motociclismo corria em suas veias, e com total apoio do seu pai e da família, Diego realiza seu grande sonho!  Começa a disputar corridas de motocicleta!

Sua primeira corrida, foi no circuito de rua no Parque do Ibirapuera, em 1958, pilotando uma Monark 150! Resultado ...  um senhor tombaço!!

Mas isso não o desanimou, e continuou a correr!


Diego com sua Monark 125  , já em Interlagos, em 1958

Com as importações fechadas, a moda no país eram as motonetas! As competições agora também eram com as motonetas, pois tinha o apoio oficial da Lambretta do Brasil!

Em 1959, Diego competia nas várias provas em Interlagos! Teve algumas vitórias, mas a mais importante foi a dos  200 Quilometros de Interlagos, em 5 de novembro de 1959, de motonetas!


Uma das vitórias de 1959 (Interlagos)


Diego ao lado de Felipe Carmona! (1959)

Mas no ano de 1960, Diego conseguiu um fato que até hoje está em destaque no Centauro Motor Clube! Simplesmente venceu todas as corridas que participou!

Foi campeão Paulista, levantou o Bi-campeonato nos 200 Quilometros de Interlagos e venceu as 6 Horas de Motonetas!!


Diego nas 6 Horas de Interlagos, 1960! Vitória!!


200 Kms de Interlagos, 1960! Só deu vitória nesse ano!!

A equipe Moto Moreno, chefiada por Francisco Moreno, se destacava com seu arrojado piloto!

A esta altura, a Moto Moreno já existia também em mais dois endereços em S. Paulo, com uma unidade na Av. Sto Amaro (Zona Sul) e mais uma na Av. Celso Garcia (Zona Leste)!

Em 1962, fecham as unidades da R. Oratório e Sto. Amaro, ficando apenas na Celso Garcia.  Em 1964 passam para a R. Vilela, que fica bem próximo à Av. Celso Garcia, onde permanecem até hoje, mas de propriedade de seu irmão, o Paco, a Paco´s Moto.

Nos anos de 1962 e 1963 Diego disputas muitas provas e vai colecionando vitórias!


Mais vitórias!  Interlagos 1963

No ano de 1964, a Lambretta retira-se oficialmente das competições, e isso reflete no motociclsmo de maneira geral.  As competições praticamente acabam! O motociclismo "dorme" por quase 4 anos!

Em 1966, Diego se casa, e continua a trabalhar com seu pai, na Moto Moreno! 

Em 1969, abre sua própria oficina, a Moto Spa, na Av. Serra de Araraquara, também na Zona Leste de S. Paulo.


Moto Spa. Revendedor autorizado Suzuki!

A partir de final de 1970 e começo de 1971, Diego monta a Equipe Spa, que tem como pilotos, Nivanor Bernardi e Paulo "Paulé" Salvallagio, entre outros!  


Equipe Moto Spa. Diego (agachado à dir.) e Paulé (em pé à esq.)

Sempre com a preparação de Diego, a Moto Spa, destaca-se também no motocross em 1971 e 1972!

Diego também participa de alguma provas de velocidade, no Paulista,  pilotando uma Yamaha TD 1.

Em 1973, Diego "adota" o menino Paulo Sergio Castroviejo, que vivia "rachando" nas ruas e prepara uma cinquentinha "canhão" para ele competir!


Paulinho Castroviejo com sua cinquentinha "canhão"!! 

Em 1974, Diego disputa as 24 horas de Interlagos, em dupla com Elias Trujillo, com uma Suzuki GT 380, chegando em 11º lugar.  Seu Irmão, Francisco Moreno Jr, o Paco, disputa também pela Equipe Moto Spa, em dupla com Vincenzo Cusumano, de RD 350.


Diego Moreno nas 24 Horas de Interlagos de 1974

Em 1975, a Equipe Moto Spa, com a preparação de Diego, disputa a 500 milhas de Interlagos, com uma Suzuki 500, pilotada por Castroviejo em dupla com Índio (Marcos Tadeu Clemente), ficando em 3º lugar!

Diego também disputa algumas provas do Campeonato Paulista!


Diego preparando a Suzuki 500!!  Muitas "traquinagens"... segredos!!

Em 1976, muda sua loja / oficina para a Av. Pompéia (Zona Oeste) e dá o nome de San Diego!  Nesse ano, Diego corre as 500 Milhas de Interlagos, e mais algumas provas do Campeonato Paulista, e despede-se oficialmente da pilotagem, dedicando-se exclusivamente à parte técnica e mecânica da equipe! 


Diego (nº 26) nas 500 Milhas de Interlagos em 1976

A Equipe passa a se chamar San Diego, e nos anos de 76, 77 e 78, fica com o tri-vice-campeonato com Paulinho pilotando uma Suzuki 500 .

No ano de 1977, Diego prepara um pequeno foguete, ou seja um ciclomotor, para disputar a recém criada categoria, para ser pilotado por seu filho, José Escalona!


José Escalona e seu pequeno "foguete" preparado pelo pai!

Foi um verdadeiro sucesso!  O menino , conhecido como Zézinho,  "barbarizava" em Interlagos, não dando chance pra ninguém!  Resultado ... Foi tri-campeão da categoria, em 77, 78 e 79!  

Também em 79, a Equipe San Diego foi campeã com Castroviejo de Suzuki 500!


Mais uma vitória de José Escalona , o Zezinho!

Em 1979, Diego vai à Le Mans, como preparador da moto da dupla Denísio Casarini e Antonio Bernardo, disputar o Bol d´ Or!!

Em 1980, Diego prepara uma Ducati 900 com kit para 940 cc, e Castroviejo obtém várias vitórias. Prepara também uma Honda 750 e uma Yamaha TZ 350, também com sucesso nas pistas, sempre com Castroviejo! 


Castroviejo e a Ducati 940 preparada por Diego!

Por 6 anos, Diego foi integrante da Comissão Técnica da Confederação Brasileira de Motociclismo, que estabelecia os regulamentos de todas as competições no Brasil!  Faziam parte também, Gualtiero Tognochi e Tanigawa.

Diego participou das competições até 1983, quando deixou as pistas definitivamente para se dedicar exclusivamente aos negócios.

Embora afastado, Diego continua acompanhando as competições!

Hoje, a San Diego está muito bem instalada na R. Min. Ferreira Alves, no bairro da Pompéia, próximo ao antigo endereço, e Diego permanece à frente da oficina, trabalhando juntamente com seu filho, que atua mais na parte comercial. 


Ótimas instalações!

Quem gosta de motos dos anos 70, não pode deixar de fazer uma visita à San Diego, pois lá existem várias raridades!!



São mais de 50 anos de motociclismo!  Todos os pilotos que correram com motos preparadas por ele, tiveram muitas vitórias e títulos!!

Diego conhece os segredos das motocicletas como ninguém!  Mostrou ao longo dos anos, competência como piloto e profundo conhecedor de mecânica!!

Diego é uma pessoa gentil, atenciosa e simpática que nos recebeu prontamente e pacientemente!

E ,  na área técnica, à frente de sua oficina, conhecemos um excelente profissional!!

... E , aos motociclistas, dou um conselho ...  espero, que algum dia,  você ... "caia nas mãos do Diego"!!

 

Valeu Diego "Moreno" Escalona! ...  Olé!!!

 

Por Ricardo Pupo.
www.motosclassicas70.com.br